segunda-feira, 7 de outubro de 2013

Flores para Florbela







Há já algum tempo que tenho vontade de homenagear Florbela Espanca de forma mais pública e evidente que não só lendo os seus livros. A presença da escritora é uma constante na minha vida desde que vim viver para Vila Viçosa, ainda que o seja de uma forma serena, quase imperceptível. Vivo numa rua que tem o seu nome e numa vila que a viu nascer. A sua poesia sempre me pareceu extremamente bela e capaz de verbalizar de forma grandiosa sentimentos comuns a todos nós. No final do passado ano lectivo os meus filhos mais velhos e a sua turma de ballet dançaram um poema de Florbela Espanca, na festa de fim de ano. Fiquei tão emocionada, com a dança e o poema, que me pareceu imperioso prestar qualquer tipo de homenagem a esta figura da vida cultural do nosso país. Ainda este ano, se possível. A questão passou a ser "como?".
Desde Julho que tenho vindo a organizar os Encontros de Agulhas no atelier. O objectivo primeiro destas reuniões é proporcionar um espaço de partilha de vontades e conhecimentos criativos. Não deixo contudo de perceber que uma vez criado um grupo de trabalho, criativo ainda por cima, ele pode servir como ninho de projectos comunitários que promovam bem estar social e o sentimento de pertença a uma comunidade e a uma história comum. Pareceu-me lógico tentar desenvolver ali, a partir daquele grupo e com aqueles materiais e técnicas, a dita homenagem.

O projecto "Flores para Florbela" pretende ser um projecto comunitário, onde todos os que simpatizarem com a escritora ou com a sua obra podem participar. Cada pessoa deve fazer um quadrado de crochet ou tricot com uma flor no centro. A união dos quadrados irá resultar numa manta que será apresentada próximo da data de nascença e morte da escritora (8 de Dezembro). A manta será leiloada ou sorteada e o resultado da sua venda reverterá a favor de uma obra de apoio social. Espero que ao longo do processo (meses de Outubro e Novembro) muita gente se sinta entusiasmada a participar ou a folhear um livro de Florbela Espanca.

Foi feita uma aguarela (obrigada Cristina!) com um conjunto de cores que pretende aproximar-se daquilo que (esperamos) teria sido ao gosto da escritora, digno da sua figura e distinção. As características a que os quadrados devem obedecer para se conseguir a harmonia que pretendemos são:

- uma flor no centro (os quadrados que eu mostro nas fotografias acima podem servir de base mas qualquer tipo de flor, roseta, serve. O ideal será cada um fazer o quadrado com que se sinta mais à vontade).

- aproximadamente 7 cm de lado.

- as cores a utilizar: verde escuro, verde água, cinzento, cinzento prateado, bourdeaux, roxo, beringela, vermelho tijolo, vermelho escuro, azul escuro.

Projecto apresentado. Agora partilhem com o maior número possível de pessoas e ao trabalho!

4 comentários:

Borboleta Serrana disse...

Boa tarde.
Ainda posso enviar uma "flor" e participar nesta iniciativa?!

O meu mail é fevereiro5@hotmail.com

Sofia

Teresinha disse...

Será que ainda vou a tempo?
Gosto muito dos poemas da Florbela Espanca, já a minha mãe também gostava.
E por causa tão nobre, posso enviar uns quadradinhos de croché.
Espero a resposta com a data limite de envio e o respetivo endereço.
Bjs
Teresinha
www.dasmaosdateresinha.blogspot.com

panos, papeis e pinceis disse...

Olá
Parabéns pela iniciativa.
Gostaríamos de participar enviando algumas rosetas.
Qual o endereço para as enviar?

Lolotte et Titine disse...

bonjour j'aimerais beaucoup participer à ce projet communautaire et vous faire qqs carrés au crochet dans les couleurs que vous avez conseillés pourriez-vous me dire à quelle adresse postale les envoyer une fois realiser et quel est le délai maxi pour vous les poster svp ? En vous remerciant d'avance pour ce joli projet créatif.....

A tres bientot

Laurence.